JESUS E A EDUCAÇÃO

JESUS E A EDUCAÇÃO

6 de fevereiro de 2020 Juventude 0

Jesus Cristo foi o maior educador que já existiu. Ele veio para nos ensinar e exemplificar as duas maiores leis universais: amar a Deus sob todas as coisas e amar ao próximo como a si mesmo.

Jesus era um professor e tanto. Articulava teoria e prática com uma simplicidade espantosa.

Ensinou a amar ao próximo como a si mesmo. Praticava isso ajudando qualquer pessoa, até mesmo os samaritanos, um povo que os judeus odiavam.

Ensinou o estudo. Praticava isso lendo os textos dos antigos profetas.

Ensinou o trabalho. Praticava isso pescando com seus discípulos.

Ensinou a saúde. Praticava isso curando os enfermos até mesmo aos sábados, dia sagrado para os judeus.

Ensinou a retidão. Praticava isso não se deixando corromper pelos corruptos da época.

Ensinou o silêncio. Praticava isso calando a própria defesa quando era acusado injustamente.

Ensinou a compreensão. Praticava isso não julgando os outros, como no caso da mulher adúltera e também no caso de Maria de Magdala.

Ensinou a humildade. Praticava isso lavando os pés de seus discípulos.

Ensinou o perdão. Praticava isso não se defendendo quando foi preso, torturado e morto.

Ensinou o amor a Deus. Praticava isso se submetendo ao nascimento pobre na manjedoura até a morte infame na cruz; por amor a Deus.

O mais interessante é que, mesmo sendo o maior entre todos na Terra, ele mesmo não deixou de frequentar uma escola. Quando criança, ele frequentava uma escola mantida pelos Essênios. Os Essênios era uma comunidade muito evoluída em termos de conhecimentos para aquele tempo e seus integrantes deram um grande suporte para Jesus durante toda a vida dele.

Educação é a única mola que faz o homem crescer e ela acontece em todos os momentos da vida, não só na escola. Estamos aqui hoje para aprendermos. Aprendermos não só os valores materiais, mas também e principalmente os valores espirituais, ou seja, as duas leis universais que Jesus nos ensinou e exemplificou.

A escola, porém, é um dos pilares mais importantes para a educação. Se nem mesmo Jesus deixou de frequentá-la, que dirá nós, seres humanos ainda tão cheios de imperfeições, para deixar de aproveitar-lhe a frequência?

Jovem! Nessa volta às aulas, não perca a oportunidade de estudar e aprender tudo o que puder, pois esses ensinamentos também te ajudarão a se tornar uma pessoa melhor. Por isso, respeite seus professores e colegas, aprenda o que não souber e ensine o que aprendeu. Somente assim conseguiremos transformar a educação escolar em educação para a vida.

Vinicius Menezes